PÓS OPERATÓRIO

Você sabe da importância da drenagem linfática no pós-operatório?

O nosso corpo tende a acumular excesso de líquidos naturalmente e pode trazer aquela sensação de inchaço ao longo do dia. Esse processo pode acontecer por diversos motivos e, um deles, é a realização de uma cirurgia plástica. Nessas condições, o corpo acumula ainda mais substâncias e a circulação sanguínea é interrompida na área, o que causa inchaços e edemas.

Para evitar esse problema ou reduzir os sintomas, é fundamental fazer uma drenagem linfática no pós-operatório. Você pensa em passar por uma cirurgia? Então, precisa conhecer agora mesmo qual a importância de passar por esse procedimento!


O que é drenagem linfática?

A drenagem linfática é um tipo de massagem cuja técnica utilizada tem como objetivo estimular o sistema linfático — sistema de vasos que levam líquidos pelo corpo — a trabalhar de forma mais rápida e eficiente. As principais vantagens desse tipo de procedimento são a melhora da circulação sanguínea, a redução da retenção de líquidos e o relaxamento corporal. Diversas pessoas procuram pela drenagem linfática com o objetivo de emagrecer, mas a massagem, na verdade, ajuda a reduzir medida graças à eliminação de toxinas acumuladas nos vasos linfáticos. Elas são as responsáveis por causar inchaço no corpo e no rosto, não é necessariamente gordura.

Nesse sentido, quando combinada a outras estratégias, como alimentação saudável e atividade física, ela é uma aliada na busca por uma melhora estética. Outra aplicação da drenagem linfática é em situações de pós-operatório. Nesse caso, ela é indispensável e os benefícios são muitos, como veremos a seguir!


Por que fazer o procedimento no pós-operatório?

Quando o organismo passa por um procedimento cirúrgico, os tecidos sofrem diversas lesões e impactos e precisam ser recuperados. Um dos mecanismos de defesa do corpo humano atua na criação de alterações, como edemas, manchas roxas e cicatrizes, para fechar a abertura do corte.

Nesse sentido, a retenção de líquido após as cirurgias ocorre devido ao fato de o nosso corpo ter tendência a acumular líquidos de forma natural. Em caso de intervenções cirúrgicas, esse inchaço surge como uma defesa natural do organismo, aliado ao sedentarismo por conta de período de repouso.

Por essas questões, a drenagem linfática no pós-operatório torna-se essencial, pois vai ajudar a combater o inchaço causado pelo sistema linfático e pela falta de atividade de física.

Além disso, contribui para que o paciente alcance o resultado esperado.


Quais as vantagens da drenagem linfática no pós-operatório na Essencele?

A Drenagem linfática pós operatória pode ser associada a aparelhos específicos e traz ao paciente os seguintes benefícios:

• ativar a circulação sanguínea na região operada;
• melhorar o funcionamento do sistema linfático
• restabelecer a aderência de pele;
• eliminar os inchaços, tanto na região operada como no restante do corpo.
• reduzir a retenção de líquidos pelo organismo
• aliviar a dor causada pela cirurgia;
• tratar os hematomas que surgem com a incisão;
• reduzir a fibrose;
• favorecer a oxigenação dos tecidos;
• acelerar e auxiliar no processo de cicatrização;
• ajudar na remodelagem da pele;
• evitar complicações pós-cirúrgicas;


Indicações

Ela é indicada para cirurgias faciais como lifting facial, ritidoplastia, rinoplastia, entre outras. E corporais é indicada para cirurgias como lipoescultura, lipoaspiração, bariátrica, prótese de silicone, etc.



Rua Saioá, 1279 - Ipiranga - São Paulo - SP - Cep: 04124-120 Tel: (11) 5061-4696 / 5061-2995 - BY TJNET